2 de nov de 2009

FanFics - Divinos Pecados - capítulo 03

fanfic - Divinos Pecados

Viajem

~*~

Sakura fechou os olhos ao sentir o sol contra o rosto. A brisa salgada do mar agitou seus cabelos e ela se debruçou no convés para admirar a paisagem.

Kakashi, por sua vez, mantinha-se encostado á parede com os braços cruzados. Embora observasse o mar, vez ou outra olhava para a kunoichi.

" Tsunade realmente a treinou muito bem. Além de ser habilidosa em técnicas de cura, Sakura aprendeu a lutar de uma forma que eu nunca imaginaria. Quanto á inteligência...bom, ela sempre foi um gênio. Mas acho que, a melhor técnica que Tsunade ensinou á ela foi a técnica de como desenvolver o corpo..."

O ninja de cabelos prateados fechou os olhos, se repreendendo mentalmente.

" Tenho que parar com isso agora. Não posso ficar alimentando esses pensamentos sobre ela. Desejar minha ex-aluna? Daqui á pouco eu chego ao nível do Jiraya. Preciso me concentrar em proteger a Sakura e evitar que ela desperte antes do ritual."

Sakura procurou focar sua atenção para o lento movimento do oceano e controlar o frio na barriga. Não iria virar para trás, pois sabia que os olhos de Kakashi estavam sobre si.

" O que está acontecendo comigo? Por que não paro de lembrar desse sonho e fico pensando no Kakashi de formas nem um pouco inocentes? Isso não é normal, eu não tô normal... e por que o Kakashi anda me olhando desse jeito? Será que ele está interessado em mim? Não, até parece...seria bom demais pra ser verdade.
Chega, Sakura! Se concentre em qualquer outra coisa, droga!"

Seguindo a própria ordem, Sakura decidiu voltar todas as suas atenções para o vasto oceano á sua frente. Estava tudo calmo justo quando queria ver as ondas.

As ondas começaram feito ondulações Subindo e descendo, surgindo de todas as direções. Se chocavam, esparramando espuma.

Mais ondas, mais rápidas e mais fortes. Agora elas já começavam a fazer barulho quando se chocavam nas bases da água. Ondas emergiam subitamente no meio do oceano, cada vez mais altas, cada vez maiores. Sim, mais fortes, cada vez mais. Subiam e desciam.

Ao longe se era possível avistar uma encosta rochosa. Sim, agora as ondas batiam nela, cada vez com mais força. O barulho já era ouvido dali. Sim, queria ver as ondas se erguerem cada vez mais alto.

Ondas de metros de altura chocavam-se com estrondosa violência contra a parede rochosa. Não havia qualquer vento e o mar estava completamente calmo. Mas as ondas naquela determinada parte continuavam como uma tempestade, como se estivessem sido criadas por uma força invisível.

Não demorou para que as pessoas no navio fossem atraídas pelo barulho e o estranho espetáculo. Comentavam entre si parecendo ao mesmo tempo surpresas e assustadas com a estranha força das águas. Soltaram uma exclamação em uníssono quando o topo das ondas atingiam o cume da parede rochosa, chegando á mais de 15 metros de altura.

Sim, cada vez maior, cada vez mais forte, que aquelas águas cobrissem toda a terra...

- ...sakura...Sakura...SAKURA!

A jovem de cabelos róseos piscou aturdida, como se saísse de um profundo transe psíquico. Seus olhos verdes encontraram-se com Kakahi que estava á sua frente, segurando seus ombros. Notou que o sharingan estava visível e, ao sentir as mãos dele em sua pele, um pequeno arrepio percorreu seu corpo. Por qual razão Kakashi a segurava daquela forma como se fosse...

"...como se fosse me beijar..."

- Sakura. Vamos voltar para a cabine, agora.

- ...hãn...p-por quê?

- Já ficamos tempo demais aqui. - tirou as mãos da jovem e sorriu, simpático. - Além do que, você ainda tem de levar o remédio para a Ino-chan, certo?

- ...é. - sorriu, colocando uma mecha de cabelo atrás da orelha. Até parece que Kakashi a veria como mulher... - Vamos voltar, então.

A garota deu-lhe as costas, seguindo em direção ás cabines, mas parou quando Kakashi a chamou.

- Hãn...Sakura. Você viu as ondas?

- Que ondas? O mar está totalmente calmo, sensei. E logicamente, com este mar calmo é impossível que aja ondas.

- É, tem razão.

Sakura balançou a cabeça ostentando um sorriso debochado. Que péssima coisa para se tentar puxar assunto. O sorriso do shinobi se desfez e ele ocultou novamente o sharingan com o hitaiate. Olhou para o mar agora completamente calmo, sem qualquer resquício das violentas ondas de segundos atrás. Ouvia o burburinho dos turistas diante do inusitado fenômeno que desaparecera tão subitamente quanto surgira e seguiu a garota.

"Como eu pensei, Sakura não tem lembrança alguma do que fez. Aquilo realmente está tentando se libertar e espero que isso se resolva o quanto antes. O que ela fez apenas com a força da mente é surpreendente. Pior é saber que isso não é nem uma fração de seu poder."

~*~

A viajem seguia sem maiores incidentes. Os turistas espalhavam boatos acerca de um estranho fenômeno ocorrido no oceano, onde gigantescas ondas quase haviam destruído uma cordilheira rochosa á beira-mar. Todos acreditavam que isso, provavelmente, se deu á um estranho e inexplicável fenômeno natural, causado, talvez, por tremores de placas tectônicas e variantes.

Apenas Kakashi sabia a verdade.
As horas era muito tediosas e pareciam nunca passar dentro daquela cabine. A melhor coisa que os quatro ninjas haviam encontrado para se distrair era jogos de pôquer e buraco apostando dinheiro. E nisso, Shikamaru se mostrou um hábil jogador, ganhando todas as partidas, para frustação dos demais.
Ino ocasionalmente enjoava devido ao balanço do navio, passando boa parte do tempo deitado em uma das beliches e volta e meia vomitando no banheiro, obrigando Sakura a ajudá-la.

Quando a amiga dormia e Shikamaru saía para fumar em alguma parte do navio, Kakashi e Sakura apreciavam passear juntos pelo convés admirando a paisagem enquanto relembravam o tempo em que treinavam e partiam em missões junto á Naruto e Sasuke.

Foi ao relembrarem a vez em que ela e os dois amigos tentaram de todas as formas retirar a máscara do sensei, que Sakura passou a perceber que, diferente de Sasuke, Kakashi era bem falante e divertido, mostrando claramente que apreciava sua companhia.

" Mesmo que não saiba como é seu rosto, é inegável que Kakashi é bonito. Embora muitas vezes fique com cara de sonso ou lendo aqueles livros idiotas, ele tem charme. Fico pensando em como ele age quando está...kuso! Por mais que tente, não consigo esquecer aquele sonho!"

- Oh! - o ninja se agachou. - Encontrei cinquenta centavos!

" Hum, sensei..como eu nunca tinha reparado nesse bumbum...credo, Sakura! Assanhada, pare com isso!"

- ..em Karnak só iremos entregar estes tais pergaminhos? - indagou, procurando não pensar em certas coisas.

- ..s-sim... - falou Kakashi em voz baixa. - É uma missão fácil no fim das contas...mas como é um documento valioso precisa ser bem protegido.

A garota afirmou, parecendo entediada.

" Mentiroso! A missão é você, Sakura. Me desculpe por mentir mas não tenho outra opção. Céus, só espero que quando chegarmos, aquela criatura saiba contar o que está realmente acontecendo e que tudo isso acabe."

Ficaram em silêncio, observando o pôr-do-sol e Sakura suspirou. Um belo cenário. É, quase nunca saía em missões e quando saía era para fazer algo idiota. Terminariam a missão, passearia um pouco em Karnak com Ino e voltaria para sua tediosa vida em Konoha.

Não que treinar com Tsunade fosse ruim e o trabalho no hospital era sossegado e com bom salário. Entretanto, sentia falta das aventuras que tinha na época em que era uma gennin, aprimorando suas técnicas com Naruto e Sasuke. Bons tempos aqueles...e depois de tudo que acontecera, eram bons tempos que não voltariam mais.

E também sentia falta de Kakashi. Independente desse estranho desejo que começara a sentir, gostava dele como um amigo especial. Alguém confiável, que sempre a salvara de perigos e sempre estava ali para lhe dizer palavras otimistas quando mais precisava.

Tinha orgulho de dizer que fora treinada pelo copy ninja, assim como tinha orgulho de dizer que treinara com a quinta hokage.
Provavelmente era por isso que sentia-se mal ao pensar no fim da missão. Quando voltasse para Konoha, dificilmente voltariam a se ver com frequencia, afinal ele era um grande ninja da Anbu.

Estava diante de muitas chances para arriscar as mais variadas coisas e acabaria deixando tudo passar.

" ...de jeito nenhum."

- Kakashi-sensei...posso te perguntar uma coisa?

- Diga.

- Por que você nunca tira sua máscara?

" Ih, lá vem isso de novo. Por quê todo mundo fica encanando com minha máscara? Que coisa viu..."

- Bom, sei lá...eu gosto de usar e nunca vi necessidade de mostrar meu rosto por aí...

- Sensei! -gota. - Muitas pessoas têm curiosidade para saber como é seu rosto. Até eu tenho!

- É, eu sei. Você, o Naruto e o Sasuke já aprontaram muito por causa disso.

- Lembro que eu fiquei gripada porque pensei que você estava orando num túmulo na chuva e quando percebi, você tinha feito um espantalho para me despistar! Foi muito cruel de sua parte!

Ele apenas riu.

- Sakura-chan, não há nada de mais no meu rosto.

- Se não há, não tem razão para escondê-lo, certo?

" Qual é a dela?"

Kakashi tinha de admitir que, praticamente todas as mulheres que haviam visto seu rosto, elogiavam sua beleza e não havia razão para não mostrá-lo á sua ex-aluna. Porém, não daria á ela esse gostinho de ver seu rosto após tantos anos. Se era para mostrá-lo, Sakura teria que lhe dar algo em troca. Não, se dissesse isso em voz alta poderia fatalmente criar um grande problema.

Malditas possibilidades pervertidas que surgiam na sua cabeça!

- Por que você gostaria tanto de ver o meu rosto?

"Onde o Kakashi quer chegar?"

Sakura cruzou os braços e apreciou o fato do ninja não ser capaz de disfarçar o olhar de seus seios, que haviam se realçado devido ao decote da blusa.

- Porque eu quero. E você vai me mostrar agora!

- Não vou, não.

- Vai sim!

- N-A-O!

Sakura não apreciou o tom de deboche e provocação na voz dele. Agilmente, estendeu a mão para arrancar a máscara com um puxão mas, prevendo a atitude, Kakashi lhe segurou os pulsos.
Praguejou mentalmente e o encarou enfurecida. Sakura pensou em chutar seu sensei nas partes baixos, pois de acordo com Tsunade, nem mesmo o melhor ninja é capaz de suportar tal dor. Mas aí a brincadeira poderia acabar em discussão e essa não era sua intenção. Fitou o ninja de cabelos prateados e ouviu ele sussurrar em seu ouvido:

- Você não achou mesmo que ia conseguir isso achou, Sakura-chan?
Aquilo fez a kunoichi perder a compostura. Reunindo uma coragem e uma impulsividade que nem ela própria esperava, saltou sobre o ninja, decidida.

" Vou tirar essa máscara nem que seja com os dentes!"
Mas sua idéia acabou gerando algo que não esperava.

Seus lábios encostaram por um segundo na borda da máscara no momento que havia saltado, porém quando seus pés tocaram o chão, os lábios desceram um pouco mais para baixo.

O beijo aconteceu por iniciativa de ambas partes. Apesar da fina camada de pano que os dificultava, podiam sentir o calor um do outro. Seus lábios grudavam-se enquanto as línguas procuravam invadir a boca alheia.

" Maldita máscara!"

Era a unica coisa que haviam pensado. Kakashi soltou os pulsos da jovem e lhe envolveu a cintura, o que Sakura compreendeu como permissão de se livrar daquele pedaço de pano.

" O que diabos está fazendo, seu imbecil?!"

Tal lampejo de sanidade fez Kakashi afastar a garota bruscamente antes que ela pudesse arrancar a máscara. Sakura permanecia estática, os lábios vermelhos devido á fricção e não demorou para que um imenso rubror lhe cobrisse a face.

- Ei, vocês dois!

Ambos se viraram assustados, temendo terem sido vistos fazendo algo que não deviam. Shikamaru se aproximou e, pela expressão sonolenta em seu rosto, era evidente que não havia visto nada.

- A Ino tá enjoando de novo é melhor tu ficar com ela, Sakura. Ela é capaz de vomitar em mim se eu chegar perto!

- ..hãn...t-tudo bem...
Sem conseguir olhar para Kakashi, Sakura se afastou, caminhando mais rápido que o normal.

Shikamaru colocou ambas mãos atrás da cabeça e encarou o ninja de cabelos prateados.
- ..o que foi? - a voz do ninja parecia um pouco frustrada.

- Nada.



3 comentários:

Kika disse...

" Daqui á pouco eu chego ao nível do Jiraya." Calma Kakashi esse ai é um caso aparte
Ahaha a Sakura reparou no bumbum do Kakashi ahahahah xD Oh Sakura pfv como é que ainda não tinhas reparado mulher? :o
Adoro a tua escrita :D Simplesmente uma das melhores fanfics que já vi.

Tsu disse...

A Sakura nunca tinha reparado nos atributos do Kakashi porque só tinha olhos para o pulha do Sasuke...mas as coisas mudam rs. Quanto ao Jiraya, concordo que ele é um caso á parte..na verdade ele e o mestre Kame formariam uma dupla imbatível rs.

Leka disse...

kkk! Até que enfim a Sakura viu o partidão bem na frente dela o tempo todo!kkkk!
O susuke é maior prego com ela...bela troca!kkk! Tô adorando!
bjs, paz!
http://guerradosmundosleka.blogspot.com/

Confira Também:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...